Mostrando postagens com marcador CBC. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador CBC. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 15 de julho de 2021

Olimpíadas de Tóquio: conheça o perfil dos atletas do ciclismo brasileiro

Ateltas do ciclismo brasileiro em Tóquio 2020 - Foto: CBC


A menos de 10 dias para o início oficial dos Jogos Olímpicos de Tóquio, que começam oficialmente no dia 23 de julho, através da cerimônia de abertura, no Estádio Olímpico, os brasileiros estamos confiantes no bom desempenho dos atletas que representarão o país no ciclismo, que tem grandes nomes e ainda conta com a boa fase de nomes como Henrique Avancini


A atual edição dos Jogos Olímpicos terá um número recorde de 33 esportes, sendo 339 eventos disputados em 42 sedes diferentes. A festa de encerramento será realizada no domingo, 8 de agosto, no mesmo local.

O ciclismo brasileiro vai estrear em Tóquio com os atletas Henrique Avancini e Luiz Henrique Cocuzzi, na prova masculina de Mountain Bike XCO, que será disputada realizada no dia 26 de julho. Jaqueline Mourão participa da prova feminina no dia 27. Ambas as disputas estão programadas para largar as 3h da manhã (horário de Brasília) e serão realizadas na pista que foi montada na montanha de Izu, a 120km da capital.

No BMX Racing, os brasileiros Renato Rezende e Priscilla Stevaux competem nos dias 28 e 29 de julho.  As provas serão realizadas a partir das 22h00 (horário de Brasília), na pista de BMX SX do Parque Esportivo Urbano de Ariake. As datas são referentes ao calendário do Brasil, considerando o fuso de +12h referente ao Japão.

Conheça o perfil dos atletas da equipe brasileira de Ciclismo para as Olimpíadas


Henrique Avancini

Modalidade: Mountain Bike XCO
Clube/Equipe: Cannondale Factory Racing
Idade: 32 anos
Altura: 1,76m
Peso: 68kg
Local de nascimento: Petrópolis (RJ)

Por influência do seu pai (Ruy Avancini), Henrique Avancini protagonizou as suas primeiras pedaladas ainda com 8 anos de idade.

De lá para cá, foram muitos títulos nacionais (17x), continentais e internacionais, incluindo a vitória na etapa da Copa do Mundo (República Tcheca/2020) e vários outros pódios a nível mundial, chegando a liderar o ranking internacional durante um longo período na última temporada.

Hoje, Avancini é considerado uma das grandes esperanças de medalha do Time Brasil.

Jaqueline Mourão

Modalidade: Mountain Bike XCO
Clube/Equipe: Trek Brasil
Idade: 45 anos
Altura: 1,70m
Peso: 54kg
Local de nascimento: Belo Horizonte (MG)

Jaqueline Mourão comemora em Tóquio a sua sétima participação em Jogos Olímpicos, sendo três de verão e quatro de inverno. Trata-se de uma das atletas entre todas as modalidades com maior número de participações olímpicas representando o país. Ela já sinalizou que poderá encerrar a carreira após Tóquio.

Foi medalhista de bronze no Pan de Lima 2019, cinco vezes campeã brasileira, entre outros títulos importantes conquistados ao longo da sua carreira.

Luiz Cocuzzi

Modalidade: Mountain Bike XCO
Clube/Equipe: Lar Nossa Senhora Aparecida
Idade: 27 anos
Altura: 1,80m
Peso: 74kg
Local de nascimento: São Paulo (SP)

Luiz Henrique Cocuzzi é fruto do Lar Nossa Senhora Aparecida. O ciclismo faz parte da sua vida desde a infância. Sua primeira competição foi ainda aos oito anos de idade.

Entre os seus principais resultados, estão a medalha de ouro no Campeonato Pan-Americano (2018), na Colômbia, e a prata nos Jogos Sul-Americanos (2018), em Cochabamba.

Renato Rezende

Modalidade: BMX Racing
Clube/Equipe: Bicho do Mato Clube
Idade: 30 anos
Altura: 1,72m
Peso: 77kg
Local de nascimento: Rio de Janeiro (RJ)

Renato se profissionalizou em 2008, com 17 anos de idade. Os primeiros resultados expressivos vieram pouco depois, já em 2010, quando conquistou a medalha de bronze nos Jogos Sul-Americanos de Medellin.

Depois, em 2014, Renato ficou com o ouro nos Jogos Sul-Americanos de Santiago, e recentemente foi 4º colocado no Pan de Lima em 2019. O atleta acumula pódios em Pan-Americanos, Torneios Continentais e diversas outras competições.

Priscilla Stevaux

Modalidade: BMX Racing
Clube/Equipe: Associação BMX de Indaiatuba
Idade: 27 anos
Altura: 1,55m
Peso: 55kg
Local de nascimento: Sorocaba (SP)

Priscilla estreou nos Jogos Olímpicos na Rio 2016. Entre os seus principais resultados, destacam-se a final do mundial Junior (2011), campeã pan-americana (2018), 4ª colocada nos Jogos Pan-Americanos de Toronto (2015) e Lima (2019), além de ser tetracampeã brasileira.

Foto: Divulgação / CBC
Leia mais...

terça-feira, 13 de julho de 2021

CBC e Aliança Bike lançam nota de repúdio ao humorista Murilo Couto


A Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) e a Aliança Bike publicaram nota de repúdio às declarações do humorista Murilo Couto que viralizaram nas redes sociais no último domingo, 11 de julho.

No vídeo, Murilo Couto faz uma piada de péssimo gosto sobre o atropelamento proposital de ciclistas, o que, de acordo com nota da Aliança Bikes, mesmo sendo uma piada pode promover mortes. "A atitude do humorista pode ser interpretada como incitação ao crime (art. 286 do Código Penal) e discurso de ódio, travestidos de "humor".

A CBD afirmou que a apresentação de Murilo Couto, além de debochar da prática do ciclismo, "incentiva e incita o ódio e a violência contra os ciclistas".

"Os ciclistas já são diariamente alvos da insegurança no transito, resultando muitas vezes em atropelamentos e acidentes fatais. Então, sem nenhuma graça, não cabe humor nem piada nesse assunto. Atropelar ciclistas é crime", declarou a CBC.

Também nós do blog Foto e Bike repudiamos veementemente a 'brincadeira' do humorista Murilo Couto. Da mesma forma, repudiamos de todos aqueles que aplaudiram e ainda os que manifestaram apoio ao que foi dito pelo humorista, pois, como repetimos várias e várias vezes: sobre a bicicleta vai uma vida.


Leia mais...

segunda-feira, 7 de junho de 2021

CBC divulga liberação do calendário de provas com pontuação para ranking nacional de ciclismo



Na última terça-feira, 1º de junho, a Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC), divulgou comunicado oficial liberando a abertura do calendário de provas com pontuação para ranking nacional e deixando a critério de cada federação as programações estaduais.

"A abertura do calendário de provas com pontuação para ranking nacional está prevista para 01 de agosto de 2021", diz o comunicado da CBC que ainda afirma que "a inscrição de eventos deverá seguir as orientações regulamentares e serem realizadas através da Federação Estadual a partir do dia 08/06/2021".

"Adotamos essa estratégia pensando na saúde e bem-estar de todos. No momento atual, mantendo os eventos regionalizados e pontuais, evitamos que muitos atletas, treinadores, familiares e aficionados viagem para diferentes estados", diz o comunicado.

Confira a íntegra no site da Confederação Brasileira de Ciclismo.
Leia mais...

terça-feira, 1 de junho de 2021

CBC não enviará atletas para Pan-Americano de Pista por causa da pandemia



A Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) divulgou comunicado informando que não enviará atletas para o Campeonato Pan-Americano de Pista, que será disputado entre os dias 23 e 29 de junho, no Peru. A motivação é o atual estágio da pandemia de coronavírus no Brasil.

"A decisão foi tomada visando preservar a saúde e a integridade física dos atletas e de todos os demais envolvidos na missão, tendo em vista as atuais restrições de entrada de brasileiros no Peru e o tempo necessário para preparação adequada e segura da seleção", afirma a CBC no comunicado.

Para a classificação aos Jogos Pan-Americanos Júnior, que utilizará o Pan de Pista como seletiva, "a CBC já está tratando diretamente com a COPACI/UCI no sentido de encontrar uma alternativa que não prejudique a participação do Brasil".

Ao fim do comunicado, a CBC pede a "compreensão e solidariedade de todos para atravessarmos juntos esses momentos difíceis".

Foto: Luis Claudio Antunes / CBC
Leia mais...

Henrique Avancini, Jaqueline Mourão e Luiz Cocuzzi são os nomes do Brasil nas Olimpíadas de Tóquio

Henrique Avancini, Jaqueline Mourão e Luiz Cocuzzi


A Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) divulgou a convocação dos atletas do mountain bike para as Olimpíadas de Tóquio na tarde desta segunda-feira, 31 de maio. O ranking de classificação olímpica foi finalizado após a etapa da Copa do Mundo de MTB em Nové Mesto, República Tcheca. 

O Brasil conquistou três vagas para o mountain bike cross-country para os jogos olímpicos de Tóquio: duas no masculino e uma no feminino. Os atletas confirmados após a convocação da CBC foram Henrique Avancini, Luiz Henrique Cocuzzi e Jaqueline Mourão, conforme presumido pelo blog Foto e Bike.

Os escolhidos no MTB para as Olimpíadas de Tóquio


Principal atleta de mountain bike no Brasil, Henrique Avancini disputará os jogos olímpicos pela segunda vez em sua carreira. Na primeira ocasião, concluiu na 23º na Rio2016 e, desde então, seus resultados foram históricos para o país na modalidade. Ele chega a Tóquio com chances de vitória.

Jaqueline Mourão, de 45 anos, vai participar pela sétima vez de uma edição de jogos olímpicos. Hoje competindo no mountain bike, a atleta já disputou no esqui cross-country em Olimpíadas anteriores.

No MTB, o melhor resultado de Jaqueline Mourão foi nos jogos olímpicos de Atenas, em 2004, quando terminou em 18º. Os jogos de Tóquio devem marcar o fim das participações da atleta em Olimpíadas.

Com 27, Luiz Henrique Cocuzzi vai representar o Brasil em Olimpíadas pela primeira vez. "Depois de muita superação, suor e muito trabalho ao longo dos últimos anos, chego aonde eu sempre sonhei estar", comentou o atleta em suas redes sociais.

As provas de Mountain Bike nas Olimpíadas de Tóquio serão disputadas entre os dias 26 e 27 de julho.
Leia mais...

sexta-feira, 28 de maio de 2021

Paôla Reis do BMX apresenta recurso, mas CBC mantém suspensão da atleta

Paôla Reis nos Jogos Pan-Americanos de Lima, 2019


O Comitê de Ética e Integridade da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) manteve a suspensão da ciclista Paôla Reis, do BMX, após atleta ter recorrido da decisão publicada pela entidade em 18 de maio, que a biker das competições classificatórias para as Olimpíadas de Tóquio.

Por meio do advogado Milton Jordão, Paôla Reis apresentou recurso à decisão do Comitê de Ética e Integridade da CBC solicitando a suspensão parcial da execução da pena e permissão para disputar da etapa da Copa do Mundo de BMX, em Bogotá, nos dias 29 e 30 de maio, além de "se retratar publicamente perante a comunidade esportiva do ciclismo nacional".

Ao julgar o recurso de Paôla Reis, a CBC disse não encontrar "motivo nem respaldo nos dispositivos do Código de Ética para suspender, ainda que parcialmente, uma decisão colegiada do Comitê de Ética e Integridade da CBC, muito bem fundamentada em extensa produção de provas com oitiva de todos os envolvidos e interessados, além de avaliada consoante a legislação de regência".

"As circunstâncias relevantes do caso apontam diretamente para uma atleta que 'furou' uma bolha de treinamento autorizado por convênio e missão entre países, violou uma quarentena sem autorização prévia de autoridades competentes e de seus superiores hierárquicos, expôs uma cooperação internacional em hipótese de risco sanitário; e se desligou voluntariamente da delegação brasileira", afirmou a CBC.

Entenda o caso que gerou a suspensão de Paôla Reis


Em abril, a Vice-campeã pan-americana de BMX, a ciclista Paôla Reis descumpriu a quarentena obrigatória de 14 dias determinada pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) para os brasileiros que chegaram a Portugal para o período final de treinamento antes das etapas da Copa do Mundo que irão definir as cotas olímpicas.

"A Confederação Brasileira de Ciclismo está tirando minha oportunidade de classificar para os jogos de Tóquio. Estou fora dessa etapa do europeu e fora das etapas da Copa do Mundo, mesmo pagando por conta própria. A Confederação Brasileira se recusou a enviar uma autorização para competir este evento", disse Paôla Reis na ocasião.

Foto: Paôla Reis / Arquivo Pessoal
Leia mais...

sexta-feira, 30 de abril de 2021

Atleta brasileira de BMX pode ficar fora das Olimpíadas por descumprir quarentena em Portugal

Paôla Reis nos Jogos Pan-Americanos - Lima 2019

Vice-campeã pan-americana e integrante da seleção brasileira de BMX, a ciclista Paôla Reis descumpriu a quarentena obrigatória de 14 dias determinada pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) para os brasileiros que chegam a Portugal para o período final de treinamento antes das etapas da Copa do Mundo que irão definir as cotas olímpicas.


ATUALIZAÇÃO DO CASO: Paôla Reis foi suspensa e apresentou recurso que foi negado pela CBC


A informação foi dada pelo blog Olhar Olímpico, do UOL, e confirmada pelo blog Foto e Bike nesta sexta-feira, 30 de abril.


De acordo o Olhar Olímpico, ao furar a quarentena, Paôla Reis "foi punida pela Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) com sua exclusão de competições classificatórias". Ou seja, com a infração cometida a atleta se despede das chances de participar das Olimpíadas Tóquio 2020 que começam em julho de 2021.


"A Confederação Brasileira de Ciclismo está tirando minha oportunidade de classificar para os jogos de Tóquio. Estou fora dessa etapa do europeu e fora das etapas da Copa do Mundo, mesmo pagando por conta própria. A Confederação Brasileira se recusou a enviar uma autorização para competir este evento", afirmou Paôla Reis em rede social.


Em comunicado, a Confederação Brasileira de Ciclismo afirmou que "diante da gravidade dos fatos narrados e das provas produzidas" se abstem "de qualquer ação relacionada com os investigados, notadamente atividades relativas à participação da atleta em eventos que dependam de inscrições, registros ou congêneres de representação nacional ou da CBC, até decisão final desse processo".


Foto: reprodução/Facebook

Leia mais...

terça-feira, 12 de março de 2019

Convocação da seleção brasileira de MBT XCO


A Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) convoca, de acordo com o UCI Individual Ranking Elite, publicado em 05/03/2019, os atletas abaixo relacionados, para participarem do Campeonato Pan-Americano de Mountain Bike XCO, que acontecerá entre os dias 02 e 06 de abril, na cidade de Aguascalientes, no México.




Critérios de convocação


A convocação tem como objetivo exclusivo o Campeonato Pan-Americano de MTB XCO 2019. Para selecionar os atletas convocados, foram adotados critérios objetivos, fundamentados em resultados esportivos (Campeonatos Brasileiros, eventos nacionais, internacionais, e demais resultados de competições recentes), e também critérios subjetivos, como fator idade, renovação da base, surgimento de novos atletas com alto índice técnico e atletas que tenham apresentado resultados crescentes significativos ao longo da última temporada.




Além dos critérios citados, os convocados não podem estar envolvidos em processos disciplinares ou de Doping, devem estar de acordo com o Código de Ética da CBC e mostrar  total condições físicas e técnicas.

Atletas convocados:
Luiz Henrique Cocuzzi
Guilherme Gotardelo Muller
Jaqueline Mourão
Raiza Goulão

Carlos Polazzo - Técnico
Leia mais...
 
Copyright © 2021 Foto e Bike • Direitos reservados | Escreva-nos: blogfotoebike@gmail.com
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top