Mostrando postagens com marcador Sense Factory Racing. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Sense Factory Racing. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 22 de julho de 2021

Bernardo Cruz e Diego Knob garantem vitória na 1ª etapa da P.Cycle Enduro Series

Com vitórias na pró e nas e-bikes, Sense Factory enduro foi melhor equipe


Bernardo Cruz Sense Factory Enduro - Foto: Brunosebastiao_fotografo / Equipeolharfotografico


No último domingo, dia 18 de junho, a cidade mineira de Inhaúma foi palco da primeira etapa da P.Cycle Enduro Series 2021. Com mais de 250 inscritos, a competição reuniu alguns dos maiores nomes do enduro do Brasil e, num clima de grande confraternização e troca de experiências, a Sense Factory Enduro conquistou excelentes resultados, com direito inclusive ao prêmio de melhor equipe do fim de semana. 

Na categoria pró, o piloto Bernardo Cruz mais uma vez mostrou porque é considerado um dos maiores nomes das modalidades de gravidade dentro e fora do Brasil. As trilhas montadas no Cheira Céu Bike Park misturam altas velocidades, elevado nível técnico e muitos trechos de mata e, nas três especiais da categoria pró, o piloto da Sense Factory Enduro mostrou uma enorme consistência para vencer na somatória final dos tempos. 

“A prova foi muito legal e tivemos uma troca de experiências muito intensa com os meninos da base. Foi um evento bem familiar, com a amizade, a fraternidade e a diversão que são a cara da Sense”, comentou Bernardo.

“Comentei outro dia com meus amigos o tanto que tenho orgulho de fazer parte desse time, e o tanto que eu admiro o Henrique Ribeiro, CEO da Sense, não só como pessoa, mas também como amante do esporte. É uma marca nacional que, através dessas competições, mostra para o Brasil e para o mundo inteiro que estamos com uma marca que pode andar de igual para igual com as importadas, e isso é bom demais”, finalizou o campeão. 

Knob venceu na categoria e-bike


Além de Bernardo, Diego Knob também teve motivos de sobra para comemorar. Isso porque, há cerca de dois meses, o piloto que compete na categoria e-bike sofreu uma apendicite e acabou ficando praticamente todo este tempo sem subir na bicicleta. Em sua reestreia, o ciclista de Petrópolis levou a vitória na somatória das quatro especiais criadas para as e-bikes, mostrando que quem é rei nunca perde a majestade.

Diego Knob Sense Factory Enduro - Foto: Brunosebastiao_fotografo / Equipeolharfotografico


“A prova foi muito bacana, e marcou meu retorno às pistas depois de dois meses parado por conta de uma apendicite. Eu não estava esperando muito e não havia criado expectativa de ter um rendimento tão alto nessa prova, porque é normal voltar com um ritmo mais baixo”, comentou Knob.

“Mas, a bike se comportou muito bem no percurso todo, e me senti muito à vontade com o equipamento e com o terreno. Estava com muita vontade de pedalar, já que estava há tempos sem andar, e isso me deixou com a energia aflorada. Estava com a cabeça leve e tranquila por estar novamente andando de bicicleta, e acho que isso foi um dos fatores fundamentais para entregar fluidez e diversão nos pedais. No fim, tudo deu certo e estou muito feliz. O resultado me anima para as provas de Enduro e XCO que tenho para o resto da temporada. Voltei com tudo”, comemorou Knob.

Foto: Brunosebastiao_fotografo / Equipeolharfotografico
Leia mais...

quinta-feira, 24 de junho de 2021

Giugiu Morgen volta ao Brasil após temporada europeia bem sucedida

Com prova na Suíça, Petropolitana encara dia de forte calor para finalizar sua primeira temporada europeia do ano com ótimos desempenhos e muito aprendizado




No último domingo, dia 20 de junho, a petropolitana Giuliana Morgen concluiu sua última prova em sua primeira temporada na Europa em 2021. A competição aconteceu em Gränichen, na Suíça, contando como terceira etapa da Proffix Swiss Bike Cup. Giugiu encerrou sua participação com a vigésima terceira colocação, e a vencedora do dia foi a francesa Tatiana Tournut.

A prova foi realizada sob um forte calor, o que mais uma vez testou os limites de Giugiu: nas últimas semanas, a atleta da Sense Factory Racing encarou as mais variadas condições climáticas, indo de dias muito frios, com chuva e temperaturas quase congelantes, passando por dias mais amenos até chegar no fortíssimo calor na competição suíça deste final de semana.

“Não me senti muito bem hoje (domingo), mas acho que faz parte. Não larguei bem e o corpo não respondia. Não consegui fazer força nos pedais. Hoje não obtive o resultado esperado, mas saio satisfeita com essa temporada na Europa. Estou aprendendo como meu corpo funciona com tanta exigência”, afirmou Giugiu, que completou 18 anos na última semana.

Seis provas em sete semanas


A primeira temporada europeia de Giugiu em 2021 começou há cerca de sete semanas e, de lá pra cá, ela ficou sem competir apenas na semana passada. Neste meio tempo, Giugiu passou pela Alemanha, República Tcheca, França e Suíça - tudo isso depois de um período de 15 dias de quarentena em Portugal. 

Na Alemanha, a petropolitana participou da etapa de Albstadt da Copa do Mundo de MTB, tendo fechado a prova na vigésima primeira colocação. Depois disso, já na República Tcheca, a atleta superou muito frio e chuva para chegar em décimo nono na etapa de Nové Město da Copa do Mundo de Mountain Bike.

Nas semanas seguintes, ainda na República Tcheca, Giugiu andou muito bem, fechando em quinto lugar na Izomat MTB Cup e em quarto lugar, apenas sete dias depois, na Strabag MTB Cup XCO. Uma semana depois, a petropolitana participou de uma das etapas da Copa França de MTB, finalizando em sexto lugar. 

Todas as provas aconteceram em circuitos de elevada exigência técnica, com a presença de atletas de altíssima performance. No Campeonato Mundial de Mountain Bike Cross-Country Olímpico, principal objetivo de Giugiu nesta temporada, boa parte delas estará presente - o Mundial de MTB 2021 acontece no dia 25 de agosto em Val di Solle, Itália. 

“Essa temporada aqui na Europa serviu para minha evolução física e também pessoal, já que tive que resolver muitas coisas em relação à viagem, aos treinos e competições. Estarei presente nas próximas provas e agradeço a todos que torceram por mim, e também a todos os meus patrocinadores. Agora, é hora de voltar ao Brasil e treinar mais”, finalizou Giugiu. 

De volta ao Brasil, Giugiu está com presença confirmada na final da Copa Internacional de Mountain Bike, competição que acontece nos dias 2 e 3 de julho em Carandaí, Minas Gerais. Depois disso, a atleta larga na Internacional Estrada Real, competição que será realizada na cidade mineira de Santana dos Montes, no dia 13 do mesmo mês.

Foto: Divulgação / Sense Factory Racing
Leia mais...

terça-feira, 15 de junho de 2021

Sense Factory Racing tem fim de semana com vitória e ótimos desempenhos no Circuito Olímpico de Deodoro

Equipe da Sense Bike sai da reestreia da pista olímpica do Rio de Janeiro com vitória de Albert Morgen nas elétricas, Rubinho Valeriano em segundo e Mário Couto em quarto na Elite


Rubinho Valeriano fecha em segundo lugar - Foto: Felipe Almeida


Em um fim de semana para lá de especial, os atletas da Sense Factory Racing saem da reestreia da pista olímpica do Parque Radical de Deodoro, Rio de Janeiro, com muitos motivos para comemorar. Isso porque, no circuito que recebeu os maiores atletas do mundo no cross-country olímpico de 2016, o time oficial da Sense Bike conquistou a vitória nas e-bikes com Albert Morgen, além do segundo e do quarto lugar na elite masculina, com Rubinho Valeriano e Mário Couto. 

As competições aconteceram no último domingo, dia 13 de junho, e foram válidas pelo Campeonato Estadual de MTB XCO do Rio de Janeiro.  

Rubinho Valeriano em segundo, dando a volta por cima


Depois de um período longe das competições, o três vezes olímpico Rubinho Valeriano provavelmente sentiu-se em casa no circuito do Parque Radical de Deodoro. Afinal, nos jogos de 2016, o "R1" estava lá, batendo guidão contra as maiores estrelas do planeta no cross-country olímpico. Por isso, o palco de sua reestreia em competições de XCO alto rendimento não poderia ter sido melhor - o vencedor na elite foi Ulan Bastos, com Gustavo Xavier sendo o mais rápido da prova, porém correndo pela Sub-23. 

Rubinho Valeriano de volta em grande estilo - Foto: Felipe Almeida
Rubinho Valeriano de volta em grande estilo - Foto: Felipe Almeida


“A prova hoje foi muito disputada. Não larguei bem porque a largada foi por ordem de chegada, e por isso tive que fazer um trabalho de recuperação na primeira das seis voltas”, comentou o experiente atleta. 
 
“Isso foi legal porque deu para sentir bem minha pilotagem no meio do pelotão. Na prova, fui ganhando cada vez mais terreno e, na terceira volta, já livre dos outros atletas, botei um ritmo constante para ir até o final. Consegui andar bem por um bom tempo no grupo dos líderes, mas aí com os retardatários, acabei não conseguindo chegar no primeiro”, complementou Rubinho. 

“Fico muito feliz com o resultado, já que gosto muito de correr nessa pista. Ela é muito técnica e tem muitas frenagens e acelerações, do jeito que eu gosto de correr. Fico muito satisfeito de chegar em segundo lugar na categoria elite, e isso foi muito bom para mim. Fico muito feliz em representar minha equipe, meus parceiros e patrocinadores”, finalizou Rubinho.

Mário Couto com ótimo resultado na elite


Em seu primeiro ano, subindo da Sub-23 para a elite, Mário Couto segue forte em seu processo de evolução constante. Hoje, acelerando contra boa parte dos maiores nomes do XCO do Brasil, o jovem de Divinópolis, Minas Gerais, fechou sua participação com um excelente quarto lugar na elite.

Mario Couto na pista olímpica - Foto: Felipe Almeida
Mario Couto na pista olímpica - Foto: Felipe Almeida


“Estou muito feliz em voltar a competir em alto nível, principalmente nesta pista especial. Estou bastante satisfeito com meu desempenho nessa volta às competições de alto nível. O pelotão da Elite estava praticamente inteiro aqui, e esse é meu primeiro ano na categoria”, comentou Mario. 

“Saio muito feliz com o desempenho que consegui entregar, e ainda mais com o meu quarto lugar na elite. A prova foi disputada desde o início. Antes da largada caiu uma chuva que deixou a adrenalina ainda mais alta, e o circuito ainda mais técnico, o que trouxe uma dificuldade a mais, principalmente nos vários trechos de Rock Garden e single-track na mata”, explicou Mário. 

“Larguei muito bem e me encaixei em um grupo com os ponteiros. Na terceira volta o Rubinho conectou neste grupo. Depois, ficamos eu o ele fazendo um trabalho de equipe na quarta e na quinta colocação, mas no meio da quarta volta senti o ritmo, e comecei sentir algumas cãibras. Lutei contra elas até a sexta volta, mas mesmo assim mantive o ritmo forte, para fechar em quarto na elite e em quinto na geral”, finalizou Mário.

Albert Morgen com vitória nas elétricas


Correndo mais uma vez nas elétricas, modalidade que tornou-se especialidade desta verdadeira lenda do MTB nacional, Albert Morgen mais uma vez mostrou que barril de gasolina nunca perde o cheiro. Com mais um excelente desempenho, o Petropolitano foi o mais rápido do dia nas e-bikes, adicionando mais uma vitória para seu extenso currículo. 

Albert vence nas e-bikes - Foto: Felipe Almeida
Albert vence nas e-bikes - Foto: Felipe Almeida


“O circuito estava muito duro e técnico, já que a pista estava molhada de manhã. Foram cinco voltas com a bike escorregando bastante. Mas, como já estava afinado no percurso, consegui andar bem o tempo inteiro para fechar em primeiro”, comentou o experiente atleta. 

Na próxima semana, a Sense Factory Racing volta para as pistas, mas desta vez do outro lado do Atlântico. No dia 19 de junho, Giugiu Morgen, filha de Albert, largará na Proffix Swiss Bike Cup, competição que acontece na Suíça e encerra a temporada da atleta na Europa. 

Depois, a equipe ruma para Carandaí, em Minas Gerais, para disputar a final da Copa Internacional de Mountain Bike, no dia 2 de junho. No dia 13, o time da Sense Factory Racing está com a presença confirmada na Internacional Estrada Real, competição que acontece na cidade mineira de Santana dos Montes.

Fotos: Felipe Almeida
Leia mais...

segunda-feira, 7 de junho de 2021

Giugiu confirma evolução e fecha em 6º lugar na Copa França de MTB XCO

Giugiu Morgen


Mantendo sua sequência de provas na Europa,  Giuliana Morgen (Sense Factory Racing), participou da Copa França de MTB na cidade francesa de Guéret e finalizou na sétima colocação. A prova aconteceu no último sábado, 5 de junho, e, com o resultado, a atleta  alcançou o oitavo lugar no ranking mundial de Cross-Country Olímpico UCI Junior Séries.

Feliz com sua evolução ao longo das últimas semanas, a ciclista Giuliana Morgen (Sense Factory Racing), encerrou o fim de semana com motivos de sobra para comemorar. Competindo de forma ininterrupta desde o dia 8 de maio, quando ela participou da etapa de Albstadt da Copa do Mundo de Mountain Bike Cross-Country Olímpico, Giugiu segue em um processo constante de aprimoramento, com resultados bastante positivos. 

No último sábado, dia 5 de junho, a atleta participou da Copa França de MTB XCO, competição UCI Classe 1 válida pela UCI Junior Séries XCO, que reúne algumas das melhores ciclistas do mundo na categoria júnior. 

A prova foi realizada em um circuito bastante técnico, com passagens duras de subida e descidas desafiadoras. Mesmo correndo sem canote retrátil e de hardtail, uma Sense Impact Carbon, Giugiu mais uma vez destacou-se nos trechos que exigiam habilidade - reflexo de seu intenso treinamento em trilhas de enduro em Petrópolis, Rio de Janeiro, sua cidade natal. 

Na prova, a brasileira fechou com o tempo de 1:08:55, a poucos segundos da quinta colocada, a belga Julia Grégoire. A vencedora do dia foi a francesa Olivia Onesti. 

“A prova foi muito dura e com bastante lama. O nível das adversárias estava excelente, por isso saio muito satisfeita com minha performance”, afirmou Giugiu

O resultado garantiu mais 35 pontos UCI para Giugiu. Com isso, ela sobe uma colocação e agora ocupa o oitavo lugar no ranking mundial na categoria júnior.

Evolução física e pessoal


Mais do que ficar feliz com seu excelente sexto lugar na prova, a ciclista comemora não só sua evolução física, mas também seu crescimento pessoal. Em suas primeiras provas na Europa em 2021, Giugiu sofreu com a falta de ritmo em competições de alto nível, com o clima chuvoso e frio da Europa sendo alguns dos principais adversários do atleta. 

Porém, prova após prova, Giugiu foi reencontrando seu ritmo e, com isso, os resultados começaram a aparecer com cada vez mais consistência. Esta evolução física e a oportunidade de estar na Europa estão fazendo bem para a ciclista.

“Sinto que se eu estivesse no Brasil, não iria expandir meus limites. Tudo nesta viagem está me forçando a crescer e progredir”, comentou a atleta de 17 anos de idade. 

Giugiu Morgen após prova na França - Foto: Arquivo Pessoal


“Aqui, estou tendo que resolver tudo. Desde estar sozinha, ter a autonomia de resolver detalhes, até a questão das provas, lugares perfeitos para treinar etc. Tudo está sendo uma lição, então isso também está me deixando muito satisfeita”, finalizou.

Mais provas na Europa e na América do Sul


No dia 19 de junho, Giugiu largará na Proffix Swiss Bike Cup, competição que acontece na Suíça e encerra a temporada da atleta na Europa. De volta para o Brasil, ela vai para Carandaí, em Minas Gerais, disputar a final da Copa Internacional de Mountain Bike, no dia 2 de junho. No dia 11 do mesmo mês, ela larga na Copa Juvenil Mezuena, competição que acontece na Colômbia. 

Já no segundo semestre, ela retorna para a Europa para disputar o Campeonato Mundial de XCO, competição que acontece no dia 25 de agosto em Val di Solle, na Itália. 

Fotos: Arquivo Pessoal
Leia mais...

domingo, 30 de maio de 2021

Giugiu conquista seu melhor resultado na temporada europeia de 2021 até agora: 4º lugar

Giugiu competindo na República Tcheca


Giugiu Morgen continua competindo nas pistas da Europa com foco no Campeonato Mundial de MTB XCO e no último sábado, 29 de maio, participou da Strabag MTB Cup XCO, prova UCI Classe 1, da categoria júnior, fechando sua participação na quarta posição, melhor resultado da brasileira nas provas europeias em 2021.

A petropolitana vem de uma sequência de provas que começou no dia 8 de maio na cidade alemã de Albstadt e, até o momento, já contou com mais três competições na República Tcheca. Depois de passar alguns meses sem competir por conta da pandemia, o objetivo de Giugiu com sua temporada europeia é aprimorar seu ritmo em competições, em preparação para o Campeonato Mundial de MTB, seu principal objetivo da temporada.

Até o momento, a missão vem sendo cumprida, com os resultados de Giugiu melhorando semana após semana. 

Giugiu é P4 na Strabag MTB Cup XCO 2021


Disputada no circuito montado na cidade de Brno, a segunda mais populosa da República Tcheca, a Strabag MTB Cup XCO 2021 contou com disputas nas categorias elite e júnior, tanto no masculino quanto no feminino. Na semana passada, competindo na Izomat MTB Cup, a Giugiu havia conquistado um quinto lugar.

Giugiu em temporada na Europa
Giugiu em temporada na Europa - Foto: Javier Zubico


Na prova de Giugiu, as atletas percorreram cinco voltas, todas em um circuito bem fluído, com sequências de curvas com apoio em alta velocidade e muitos trechos com pedras - um prato cheio para quem gosta de pilotar a bike. Diferente do que aconteceu em outras disputas da atleta na Europa, desta vez a chuva e o frio não chegaram para atrapalhar a diversão. 

"A prova foi muito boa. Senti as pernas boas e, nas primeiras duas voltas, andei mantendo o contato com o primeiro pelotão. Depois disso, senti um pouco o ritmo e fiquei para trás, junto com mais algumas atletas", comentou Giugiu. 

"Na terceira volta consegui abrir uma vantagem sobre elas na quarta colocação, e fui segurando até a linha de chegada", complementou. A vencedora do dia foi a alemã Finja Lipp. 

Com o resultado, Giugiu soma mais 14 pontos UCI. A atleta segue na nona colocação no ranking mundial, totalizando 295 pontos. 

"Vim para a Europa com o objetivo de reencontrar meu melhor desempenho. Nas primeiras provas sofri mais com o ritmo, com o frio e com a chuva, mas agora já estou me sentindo muito melhor. Sinto que minha forma evoluiu da semana passada para esta, e espero estar ainda melhor nas próximas semanas", finalizou a atleta de 17 anos. 

Próximas provas de Giugiu na Europa e América do Sul


No próximo fim de semana, nos dias 4 e 5 de junho, Giugiu estará na França, participando da Copa França de MTB. Já na semana seguinte, ela vai para a Suíça, onde será realizada a Copa França de MTB. Na Suíça, no dia 19 do mesmo mês, ela largará na Proffix Swiss Bike Cup, finalizando sua temporada na Europa.

De volta para o Brasil, Giugiu vai para Congonhas, em Minas Gerais, disputar a final da Copa Internacional de Mountain Bike, no dia 2 de junho. No dia 11 do mesmo mês, ela larga na Copa Juvenil Mezuena, competição que acontece na Colômbia. Já no segundo semestre, ela retorna para a Europa para disputar o Campeonato Mundial de XCO, competição que acontece no dia 25 de agosto em Val di Solle, Itália.

Fotos: Javier Zubico
Leia mais...

quarta-feira, 26 de maio de 2021

Provas de Giugiu nas pistas da Europa têm como foco o Campeonato Mundial de MTB XCO

Giugiu Morgen competindo em Nové Mesto


Depois de ficar sem competir por alguns meses, o retorno de Giugiu Morgen, ciclista da Sense Factory Racing, para as pistas da Europa tem um objetivo claro: preparar a ciclista para o Campeonato Mundial de MTB XCO, principal meta da atleta para a temporada de 2021. 

Por conta disso, Giugiu vai passar dois períodos desse ano competindo do outro lado do Atlântico. O primeiro, que começou com a Copa do Mundo de XCO na Alemanha no dia 5 de maio, vai estender-se por mais algumas semanas. Após ter fechado a Izomat MTB Cup, na República Tcheca, em quinto lugar no dia 22 de maio, já no próximo sábado, dia 29, a ciclista tem mais uma prova nesse país: a Strabag Cup Brno.

Depois disso, Giugiu já tem em seu calendário mais quatro competições da UCI Junior Series XCO, sendo as três primeiras delas na Europa. Nos dias 4 e 5 de junho, será realizada a Copa França de MTB. Na Suíça, nos dias 19 e 20 do mesmo mês, acontece a Proffix Swiss Bike Cup. Na semana seguinte, a atleta vai para a Itália, onde ela larga na quinta etapa da Internazionali d'Italia Series.

De volta para a América do Sul, Giugiu larga, no dia 11 de julho, na Copa Juvenil Mezuena, competição que acontece na Colômbia. Já no segundo semestre, ela retorna para a Europa para competir no Campeonato Mundial de XCO, competição que acontece no dia 25 de agosto em Val di Solle, Itália.

Foto: Javier Martinez
Leia mais...

domingo, 23 de maio de 2021

Giugiu Morgen conquista quinto lugar na Izomat MTB Cup, na República Tcheca

Giugiu durante Izomat MTB Cup na República Tcheca


Neste sábado, dia 22 de maio, a petropolitana Giuliana Morgen, ciclista da Sense Factory Racing, conquistou um excelente quinto lugar na Izomat MTB Cup, prova contando pontos para o Ranking UCI. A disputa aconteceu na República Tcheca e reuniu algumas das melhores atletas do mundo no Mountain Bike Cross-Country Olímpico (XCO) - a vencedora do dia foi a tcheca Simona Spěšná.

Nas últimas semanas, a ciclista de 17 anos havia participado de competições da UCI Junior Series XCO, a Copa do Mundo de Cross-Country Júnior, tendo fechado com um vigésimo primeiro lugar no dia 8 de Maio, em Albstadt, na Alemanha, e com um décimo nono lugar no dia 15, em Nové Mesto na Morave, na República Tcheca. 

A competição do último sábado aconteceu em Zadov, também na República Tcheca, em um circuito com muitos rock gardens, raízes e pedras, com subidas com duas linhas de escalada, o que acaba facilitando as ultrapassagens.

“Me senti bem durante a prova. Fiz uma largada forte e fui mantendo o Top 3 no start lap e na primeira volta. Senti um pouco o ritmo e cai para quinto, mas depois voltei para buscar a quarta colocada e quase a terceira”, explicou Giugiu.

“Na terceira das quatro voltas cometi um erro em uma pedra e acabei furando o pneu traseiro. Peguei um trecho de subida com o pneu vazio e sofri bastante até chegar no ponto de apoio para fazer a troca, mas depois consegui continuar rendendo bem”, complementou Giugiu.

Na semana passada, durante a disputa em Nové Město, o frio e a chuva foram dois grandes adversários da petropolitana, algo que poderia ter acontecido também na última prova. Mas, este período passado no Velho Continente parece estar fazendo efeito, com Giugiu evoluindo em seu ritmo de prova e também na adaptação ao clima europeu. 

“Estou acostumando com o frio, com a chuva e com o vento gelado da Europa. Vou passar mais um mês competindo aqui, e espero seguir evoluindo a cada corrida, sempre fazendo o melhor para levar o nome da minha equipe”, finalizou Giugiu. Com o resultado, a atleta agora soma mais 12 pontos UCI, garantindo assim sua permanência na nona colocação do ranking da entidade máxima do ciclismo.

Foto: Javier Martinez
Leia mais...

segunda-feira, 17 de maio de 2021

Giugiu supera chuva e muito frio para fechar em 19º etapa de Nové Mesto da Copa do Mundo de MTB 2021

Giugiu durante etapa de Nové Mesto em 2021


No último sábado, dia 15 de maio, a petropolitana Giuliana Morgen encarou mais uma dura competição na Copa do Mundo de Mountain Bike Cross-Country Olímpico. Correndo na categoria júnior, a jovem atleta de 17 anos encontrou duras condições climáticas e uma pista extremamente técnica para conquistar a décima nona colocação da etapa que foi vencida pela suíça Lea Huber.

Em 8 de maio, em sua estreia neste ano em competições na Europa, Giugiu fechou a etapa alemã da Copa do Mundo na 21º colocação, fazendo uma excelente prova de recuperação, após sofrer uma pequena queda pouco depois da largada.  

"A chuva chegou e mudou tudo! Largamos com sol e fiz uma ótima largada, mas na primeira volta começou uma baita chuva", explicou a atleta. 

Na mesma pista, em outubro de 2020, Giugiu fez sua estreia em Copas do Mundo. Na ocasião, ela garantiu a 13ª posição da prova realizada. Vale destacar que o circuito de Nové Mesto é um dos mais técnicos da temporada, com muitos trechos de pedras, saltos desafiadores e muitas raízes - obstáculos que ficam muito mais difíceis na chuva. 

Com o corpo molhado, a brasileira mais uma vez apostou na resiliência para superar o frio e a lama, fechando assim mais uma ótima apresentação contras as melhores do mundo em sua modalidade. 

Giugiu em Nové Mesto - 2021
Pista de Nové Mesto exigiu muita habilidade técnica - Foto: Javier Martinez


"Passei as duas primeiras voltas disputando o Top 12. Mas, na terceira volta, senti as pernas e achei melhor administrar. Nas duas últimas voltas foi na raça! O vento frio congelou meus pés, e minhas articulações estavam doendo. Fiquei feliz com o resultado, principalmente por ter superado alguns limites que eu jamais havia sentido", complementou Giugiu.

"Agradeço a todos pela torcida e agora continuo em busca da evolução", finalizou. 

Com o resultado, Giugiu sobe mais posições no ranking da UCI, a entidade máxima do ciclismo. Agora, a atleta está na 9º colocação, totalizando 281 pontos.

Próximos desafios


Nos próximos finais de semana, Giugiu encara mais duas competições na República Tcheca, a Izomat MTB Cup, que acontece no sábado, dia 22 de maio, e a Strabag Cup Brno, que será realizada no sábado, dia 29 do mesmo mês.

Depois disso, Giugiu viaja para a França e, para completar um ciclo de cinco semanas competindo em altíssimo nível na UCI Junior Series, a atleta encara a Copa da França de MTB, competição que acontece nos dias 4 e 5 de Julho. O principal objetivo da temporada da ciclista é o Campeonato Mundial de MTB XCO, competição que acontece entre 25 e 27 de Agosto em Val di Solle, Itália. 

Fotos: Javier Martinez

Leia mais...

segunda-feira, 10 de maio de 2021

Giugiu Morgen finaliza em 21º etapa alemã da Copa do Mundo de MTB 2021

Giugiu Morgen em Albstadt


A estreia da ciclista Giugiu Morgen em competições na Europa no ano de 2021, reservou fortes emoções para a atleta de 17 anos. Na cidade alemã de Albstadt, a atleta de Petrópolis (RJ) garantiu na manhã deste sábado (8) a 21ª colocação na disputa da categoria júnior feminino da UCI Junior Series, a Copa do Mundo UCI de Mountain Bike XCO, modalidade olímpica do esporte.

Para entrar na Alemanha, a atleta teve que passar 14 dias em total isolamento em um hotel em Portugal, realizando treinos indoor e seguindo todos os protocolos de segurança por conta da pandemia da Covid-19.

Giugiu, integrante da equipe Sense Factory Racing, teve um excelente início, quando estava nas primeiras posições do pelotão. "Fiz uma boa largada e me mantive no top 10. Entretanto, no fim da start lap (volta de apresentação), acabou me faltando experiência nessas corridas de nível mundial, uma vez que fui jogada para fora da pista, algo que pode acabar acontecendo com qualquer ciclista", destacou Giugiu.

"Caí para a 41ª posição e, volta após volta, consegui recuperar 20 posições. Agradeço a torcida de todos e as várias mensagens de apoio que eu venho recebendo. O carinho dos fãs é sempre importante e ajuda bastante. Agora é voltar a focar no processo e na evolução", complementou a atleta petropolitana, que ocupa a 9ª colocação do ranking mundial em sua atualização mais recente, de 4 de maio.

Novos Desafios - Copa do Mundo em Nové Město


A próxima prova de Giugiu já será na semana seguinte, também na Europa. A ciclista viaja para Nové Město na Moravě, na República Tcheca, onde será realizada mais uma etapa da Copa do Mundo UCI de Mountain Bike XCO. Lá, a expectativa é de encontrar terreno e estilo de prova totalmente diferentes da cidade alemã.

Giugiu Morgen em Albstadt
Giugiu Morgen durante etapa de Albstadt - Foto: Javier Martinez


"Em Nové Město muda tudo. A pista de lá é totalmente diferente do que em Albstadt. Na prova tcheca não se repete o que temos aqui na Alemanha, com suas subidas íngremes e descidas inclinadas, mas sim se destaca por ter um percurso bem técnico e explosivo", avaliou.

Foi em Nové Město na Moravě, em outubro de 2020, que Giugiu Morgen fez sua estreia em Copas do Mundo. Na ocasião, ela garantiu a 13ª posição da prova realizada. 

Depois disso, a atleta retorna ao Brasil e, na metade do ano, Giugiu deve voltar para a Europa por mais um período de cerca de dois meses. Nesta segunda volta ao velho continente, ela deve correr mais duas etapas da UCI Junior Series, e o Campeonato Mundial de MTB XCO - principal objetivo da atleta, a competição acontece entre 25 e 27 de Agosto em Val di Solle, Itália. 

Fotos: Javier Martinez
Leia mais...

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Jaqueline Mourão confirma participação na CIMTB Michelin, em Petrópolis


A Copa Internacional Michelin de Mountain Bike (CIMTB Michelin) reúne os melhores atletas de mountain bike, tanto aqueles experientes como Jaqueline Mourão, de 42 anos, quanto aqueles que buscam se profissionalizar diariamente, como Giuliana Morgen, de 15 anos. As atletas Sense Factory Racing já confirmaram a participação na primeira etapa do evento que acontece entre 9 e 10 de março em Petrópolis.




Desta vez, a CIMTB Michelin será uma reestreia para a multiatleta Jaqueline. A competidora que volta às pistas da CIMTB Michelin após 11 anos quando foi a primeira mulher brasileira a representar o Brasil no mtb em Jogos Olímpicos. Jaqueline representou o país em Atenas 2004 e Pequim 2008. Foi a melhor brasileira no ranking da União Ciclística Internacional (UCI) até hoje, chegando a ficar ficar em 7º lugar. Atualmente, com 42 anos, Jaqueline é a única brasileira que participou das Olimpíadas de Verão e de Inverno.

Na CIMTB Michelin, a multiatleta é bicampeã, sendo que ela levou o título geral em 2006 e 2008. O evento faz parte da história esportiva de Jaqueline. “A CIMTB tem um lugar todo especial na minha carreira. Comecei a competir ainda quando era Ametur. É muito bom ver toda evolução do evento, que foi fundamental para o crescimento do MTB no Brasil”, disse.




Para Jaqueline, o evento é uma oportunidade de preparar o atleta que almeja o profissionalismo. “A CIMTB proporciona aos atletas brasileiros a oportunidade de vivenciar toda a grandiosidade de um evento internacional e prepara para os competições fora do país. A estrutura e organização são gigantes, digno de copas do mundo e assim pode se preparar tanto fisicamente quanto mentalmente para provas grandes”, disse. A atleta completou, “As pistas também são muito exigentes e minuciosamente elaboradas. O que facilita esta transição e vivência internacional”, concluiu.


Quem já busca esta experiência e almeja o profissionalismo, é a companheira de equipe de Jaqueline, Giuliana Morgen. Com 15 anos, a jovem já possui no currículo, dentre vários títulos, a de campeã pan-americana juvenil 2018. “Eu sempre tive este sonho, de ter uma mulher no mesmo time que eu para que eu pudesse me espelhar nela. E é isso que a Jaqueline me proporciona. Eu sei que ter ela na mesma equipe, me dá a chance de adquirir grandes experiências e cada vez mais evoluir como atleta e como pessoa”, comentou.

Leia mais...
 
Copyright © 2021 Foto e Bike • Direitos reservados | Escreva-nos: blogfotoebike@gmail.com
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top